Yago vibra com boa fase do Corinthians

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

O Corinthians perdeu titulares nos últimos meses e seu treinador, Tite, agora na Seleção Brasileira. O substituto Cristóvão Borges foi vaiado nos dois últimos jogos nos empates em 1×1 contra São Paulo e Figueirense na Arena. Apesar de tudo, o time é o novo líder do Campeonato Brasileiro.

“Isso é Corinthians, velho”, resumiu o zagueiro Yago.

Para Yago, o que moveu o Corinthians aos 33 pontos no Brasileiro, um de vantagem sobre os rivais Santos e Palmeiras, foi justamente o ambiente de pressão.

“A gente tem consciência das coisas que aconteceram, das perdas de jogadores, de treinador, das mudanças táticas… mas a equipe se prepara para todas as ocasiões. Isso tem muito a ver com as cobranças, que nos impulsionam. Às vezes, é algo que faz mal em alguns lugares. Aqui, as cobranças nos motivam a fazer bons jogos e a chegar à liderança”, explicou.

Yago fala de quem é formado nas categorias de base do Corinthians e, mesmo com pouco tempo de carreira, já vivenciou bons e maus momentos no clube. Ele era reserva no elenco campeão brasileiro em 2015. Titular em 2016, enfrentou problemas de doping e lesão.

“Corinthians é fogo. A gente tem que jogar bem até em treino coletivo. Entramos sempre com o mesmo pensamento, estando na liderança ou não. Então, para ser sincero, acho que não vai mudar nada agora. O time sabe que o campeonato está no meio e que precisa continuar em cima, arrancar”, pregou.

O Timão volta a campo na próxima quarta-feira para duelo diante do Atlético Paranaense na Arena da Baixada às 21h45m (horário de Brasília).