VII Festibero celebra 25 anos do Memorial da América Latina

Atriz Eva Wilma / Foto: João Caldas
Atriz Eva Wilma / Foto: João Caldas

O VII Festibero – Festival Ibero-Americano de Teatro de São Paulo, que reúne 15 espetáculos (de palco e de rua), oficinas e mesas redondas, será realizado no Memorial da América Latina entre os dias 22 e 27 de abril.

O festival promove uma grande festa teatral como parte das comemorações do aniversário de 25 anos do Memorial. A atriz Eva Wilma e o ator Paulo Goulart (1933-2014), falecido recentemente, serão homenageados no evento, respectivamente, nos dias 22 (às 20 horas) e 24 (às 21 horas). A programação pode ser conferida no site www.memorial.org.br. Todas as atividades têm entrada franca.

Esta edição do Festibero traz uma programação eclética com montagens que levam à cena autores clássicos e contemporâneos, espetáculos com estéticas diversas que transitam entre a linguagem tradicional e a de vanguarda. Além de produções nacionais, seis países são representados: Portugal (Aos Nossos Filhos, com Maria de Medeiros e Laura Castro), Espanha (Decameron, de Cándido Pazó), Argentina (Como Arenas Entre Lãs Manos, com Ana María Cores), Bolívia (Y Si Te Canto Canciones de Amor, com a Cia. Tucura Cunumi), Paraguai (Emiliano, com Fábio Chamorro) e México (A Vivir, de Odin Dupeyron).

As montagens brasileiras que participam do Festibero são: Azul Resplendor (com Eva Wilma), Genet: o Poeta Ladrão (direção Sérgio Ferrara), Dentro é o Lugar Longe (com a Trupe Sinhá Zózima), Polvos Poéticos (com o Grupo Sensus), Marias da Luz (com As Graças), Cabeça de Papelão (com a Cia. da Revista), Borandá (com Fraternal Cia. de Arte e Malas-Artes), O Fiscal Federal (com Teatro Experimental do Sesc do Amazonas) e Relampião (com a Cia. do Miolo e Cia. Paulicéia).

O VII Festibero tem Curadoria do gestor e produtor cultural Efren Colombani, do dramaturgo e diretor teatral Guilherme Bonfin e do ator e diretor teatral Luiz Amorim, parceria com a SP Escola de Teatro, na realização de palestras e oficina, numa produção da Associação São Pedro Pró-Cultura. Segundo o coordenador geral do Festival, Luis Avelima, “o intuito do Festival é mostrar a diversidade cultural e mapear a produção contemporânea das artes cênicas, além de traçar um paralelo entre a produção dos países da América Latina, Portugal e Espanha”.

Festibero – Abertura – homenagens

O evento de abertura do VII Festival Ibero-Americano de Teatro de São Paulo tem apresentação do espetáculo Azul Resplendor. Concebido por Eduardo Adrianzén e dirigido por Renato Borghi e Elcio Nogueira Seixas, a peça tem Eva Wilma no elenco, ao lado de Renato Borgh, Dalton Vich e outros. A atriz – uma das mais importantes referências da dramaturgia brasileira e que completa 60 anos de carreira neste ano – será homenageada no festival. Azul Resplendor é uma obra que faz homenagem ao universo teatral.

O ator Paulo Goulart, falecido no dia 13 março, que também será homenageado durante o evento, teve a carreira marcada pela atuação na televisão. Mas também participou de históricas montagens teatrais e filmes de grande repercussão

O Festibero:

O Festibero – Festival Ibero-Americano de Teatro de São Paulo foi originalmente concebido para pensar o papel do teatro na sociedade atual, evidenciando as tendências de cada região e como elas assimilam e respondem às questões contemporâneas. Com esta realização, o Memorial cumpre a missão de promover o diálogo e estreitar ainda mais os laços culturais entre países irmãos.

O Festibero reúne grupos teatrais que vêm se destacando em seus respectivos países, dando um panorama das artes cênicas da Península Ibérica e da América Latina. Cerca de 9.000 ingressos são distribuídos aos paulistanos que podem apreciar todos os gêneros teatrais: comédias, tragédias e dramas. O festival é uma rara oportunidade para ver espetáculos que dificilmente viriam ao Brasil e, assim, apreciar o trabalho de importantes grupos teatrais dos países envolvidos.

Serviço:

VII Festibero – Festival Ibero Americano de Teatro de São Paulo
De 22 a 27 de abril – terça-feira a domingo
Memorial da América Latina
Av. Auro Soares de Moura Andrade, 664. Barra Funda/SP
Metrô: Estação Barra Funda. Tel.: (11) 3823-4600
Ingressos: Grátis. Bilheteria: a partir das 14h. Recomendado p/ maiores de 12 anos
Atividades a partir das 17 horas
Entrada: Portão 12. Estacionamentos: Portões 4 e 15 (R$ 10,00 ); Portão 8 (R$ 7,50 + R$ 1,50 por hora adicional)

Deixe uma resposta