Vai assistir aos jogos? Evite possíveis dores cuidando da saúde

Torcedores da nação inteira já começaram os preparativos para as festividades, mas e a saúde? De acordo com a Sociedade Brasileira de Medicina de Família e Comunidade (SBMFC), em meio a ações típicas da torcida, como pular e gritar pela seleção, as pessoas acabam se esquecendo de tomar cuidados básicos com a saúde, como se hidratar, comer corretamente e evitar o desgaste das cordas vocais.

Para Ana Paula Andreotti Amorim, membro da SBMFC, é importante não deixar a saúde de lado, seja em casa, em barzinhos ou no próprio estádio, por isso é necessário se atentar para as refeições, dando preferência a alimentos saudáveis, como lanches naturais, e evitar comidas gordurosas, como frituras: “Alguns alimentos podem ter sido fritos em óleo reutilizado ou conter ingredientes não frescos, ocasionando o risco de intoxicação alimentar, causadora de vômitos e diarreia”.

De acordo com estudo da Université de Bretagne-Sud, na França, publicado na revista Alcoholism: Clinical and Experimental Research, quanto mais alta a música do ambiente, mais bebidas alcoólicas as pessoas tendem a consumir. “Com a emoção da torcida, a ingestão de álcool pode aumentar, o que gera desidratação, já que as bebidas alcoólicas são diuréticas, e diferentes da água, que hidrata o corpo”, explica Ana Paula.

Confira seis dicas da médica de família e comunidade sobre cuidados com a saúde ao acompanhar os jogos de futebol dentro e fora de casa.

1 – Tome cuidado com o sol.

Ficar exposto à luz solar pode resultar em problemas como queimadura de pele. Por essa razão, é importante sempre andar com protetor solar e utilizar bonés ou chapéus para se proteger. O mormaço também faz mal para a pele, por isso o protetor deve ser usado mesmo quando o contato com o sol não for direto.

2 – Beba água.

Com a liberação de bebidas alcoólicas nos estádios, haverá maior consumo dessas substâncias. O ideal é beber água. Bebidas alcoólicas em excesso podem causar problemas como gastrite, além da famosa ressaca no dia seguinte, com sintomas como dor de cabeça, mal-estar e dores na região abdominal. É comum pensar que beber cerveja ou destilados é uma forma de hidratação, mas o que acontece é o oposto. O consumo dessas bebidas, aliado ao sol e calor excessivo, pode gerar desidratação.

3 – Alimente-se bem.

Durante os jogos, é comum comer pipoca, cachorro-quente e outros tipos de alimentos que não equivalem a uma refeição completa e com todos os componentes que o corpo precisa. O ideal é realizar refeições completas ou levar lanches caseiros e saudáveis com recheios que não estraguem rapidamente.

4 – Faça alongamentos.

Quem irá aos estádios provavelmente ficará muito tempo de pé esperando na fila, enquanto quem fica em casa pode ficar sentado por um longo tempo. O problema principal não é ficar de pé ou sentado, mas sim a postura que se adota durante longos períodos, por isso é sempre bom observar o posicionamento do corpo e realizar alongamentos para não sentir dor nas costas e articulações.

5 – Evite o desgaste das cordas vocais.

Quando se está em um ambiente com muito barulho, é comum aumentar o volume da voz. O problema é que, às vezes, se fala alto demais e por muito tempo, o que pode causar sensação de irritação na garganta e até mesmo lesões nas cordas vocais. Se sentir rouquidão, evite consumir bebidas alcoólicas e beba muita água.

6 – Evite gerar ou expor-se a situações de risco.

Apesar de a maioria das pessoas unirem-se em clima de integração para assistirem aos jogos, os expectadores podem sofrer situações de violência, provocadas entre si ou por terceiros. Atente-se ao seu comportamento e aos que estão próximos a você. Lembre que a agressão verbal ou física não é a melhor solução para situações de conflito e, que atitudes como estas podem desencadear reações ainda mais violentas. Tome as precauções necessárias para garantir sua segurança e a dos outros, no ambiente em que estiver. Observe as rotas de fuga, atravesse a rua em local apropriado, utilize cintos de segurança nos automóveis e não dirija sob o efeito de álcool.

Deixe uma resposta