Tragédia eleva índices de audiência das emissoras

Eduardo Campos / Foto: Divulgação
Eduardo Campos / Foto: Divulgação

A morte do candidato à presidência Eduardo Campos (PSB) não só elevou as audiências dos principais noticiários da TV, como conquistou a maior plateia da TV aberta no mês. Globo, Record, Band e SBT alcançaram na quarta-feira (13) suas melhores médias de audiência em agosto. Das 7h à meia-noite, a Globo marcou média de 14,4 pontos, índice que não alcançava desde a Copa do Mundo, em junho/julho. A média da rede no mês estava na casa dos 12,7 pontos. Cada ponto equivale a 65 mil domicílios na Grande São Paulo.

A Record passou de 5,9 pontos para 7,2 , o SBT foi de 5,4 pontos para 6,2, e a Band, de 2,2 pontos para 3. A chuva também ajudou. O número de televisores ligados na região aumentou: foi de 40% (dia 6) para 45,6%.

Quase todos os telejornais alcançaram índices acima da média. Com cerca de duas horas de duração, o “Jornal Hoje” registrou um crescimento de 67% de audiência, marcando 15 pontos. O “Jornal Nacional” registrou 26, dois pontos a mais que a sua média anual. O “SBT Brasil” bateu recorde com 8,8 pontos. O “Cidade Alerta” (Record) marcou 10,3, e o “Brasil Urgente” (Band), 5,4 pontos.

A informação é do jornal Folha de S. Paulo.

Deixe uma resposta