Sheik e Mendonza podem ficar suspensos por 3 jogos na Libertadores

Reprodução
Reprodução

Expulsos do confronto contra o São Paulo, no Estádio do Morumbi, Emerson Sheik e Mendonza foram denunciados pela Conmebol por conduta violenta. O artigo prevê uma punição mínima de três partidas de suspensão.

O departamento jurídico do Corinthians prepara a defesa dos dois atletas para enviar até quarta-feira. O advogado João Zanforlim vai tentar convencer que a atitude dos jogadores não foram violenta.

“A gente soube isso pela manhã. A Conmebol resolveu denunciar Mendonza e Sheik por conduta violenta. O mínimo é de três jogos de punição e o máximo é de seis. Vamos tentar mudar o entendimento deles. A nossa defesa vai ser no sentido de mostrar que não houve violência. Vamos tentar desclassificar o artigo, levando para o artigo de conduta antidesportiva, no qual a punição é apenas um jogo”, disse o advogado do clube.

Deixe uma resposta