Série sobre o histórico de corrupção no Rio de Janeiro colhe frases polêmicas de Pezão, Rosinha e Garotinho

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

No próximo domingo, dia 23/08, às 19h, o programa “CNN Séries Originais”, comandado por Evaristo Costa, inicia a exibição da nova série: “Rio: sete pecados do poder”. A narrativa será por meio dos sete pecados capitais para tentar entender por qual motivo o segundo Estado mais rico do Brasil ocupa sempre as manchetes sobre corrupção no País.

O primeiro episódio, “Soberba e Avareza”, aborda os casos recentes de corrupção onde cinco dos últimos oito governadores eleitos foram presos. O atual, Wilson Witzel (PSC), está com pedido de impeachment na Assembleia Legislativa.

Na estreia, o “CNN Séries Originais” exibe as entrevistas exclusivas com três governadores que foram presos e hoje estão soltos: Anthony Garotinho, Rosinha Garotinho e Luiz Fernando Pezão, que concedeu sua primeira entrevista para uma equipe de TV, desde sua soltura do Batalhão Especial Prisional (BEP), em Niterói, em dezembro de 2019. Ele foi acusado de integrar esquema de corrupção chefiado pelo também ex-governador Sérgio Cabral, de quem foi vice.

Com exclusividade, Pezão destacou um dos motivos de sua indignação com Sérgio Cabral: “Um dia na cadeia já é muito, eu fiquei um ano e doze dias. É muita coisa. Eu nunca fui chamado [para depor]. Me chamaram para depor, para colocar as minhas razões. Eu só fiquei ouvindo delatores falando de mim, quatro delatores de um mesmo grupo. Por que que o Sergio [Cabral] não falou antes dos 14 depoimentos. Antes dele ser condenado, ele não falou de mim? Foi falar depois de 280 anos de condenação”, desabafou.

A equipe da CNN teve acesso a 12 horas de depoimentos que Sérgio Cabral deu à Justiça ao longo dos anos que esteve preso. Em um dos trechos o ex-governador, detido desde 2016, confirmou sua participação no recebimento de propinas. “Confirmo. Confirmo o recebimento de valores indevidos, tanto para campanhas eleitorais, tanto para benefício pessoal. Todo ano de catorze (2014) eu recebi um milhão e meio de reais, por mês. Esse meu erro – erro de postura, de apego a poder, a dinheiro, a tudo isso, isso é um vício”.

A equipe de reportagem da CNN foi até Campos de Goytacazes onde hoje vivem os ex-governadores Antonhy e Rosinha Garotinho para a realização das entrevistas exclusivas. Perguntado sobre o motivo de tantos casos de corrupção no Rio de Janeiro, Anthony Garotinho revelou que boa parte das instituições do Estado apodreceram e revelou os detalhes do dia em que foi preso. Rosinha, que hoje vende bolos para sobreviver, falou das dificuldades enfrentadas após a prisão.

O “CNN Séries Originais” vai ao ar no próximo domingo, dia 23/08, às 19h.

Deixe uma resposta