São Paulo vê resultado injusto diante da Ponte Preta em Campinas

(Foto: Érico Leonan/SPFC)

O São Paulo perdeu para a Ponte Preta em Campinas por 1×0. O único gol da partida foi marcado pelo ex-corintiano Lucca.  Após o revés, Rogério Ceni avaliou que sua equipe merecia melhor sorte no Moises Lucarelli.

“No primeiro tempo as duas equipes se estudando mais, a Ponte Preta até com mais posse de bola, a gente contra-atacando bem. No segundo tempo um gol muito cedo. Destacar que não houve falta de vontade, de entrega. Nenhum dos dois goleiros precisou trabalhar com grandes defesas, tivemos bastante situações de gol, com a bola cruzando a área, mas um jogo bem equilibrado, parelho. Acho que, no mínimo, um ponto a gente poderia ter levado aqui hoje”, disse o treinador.

“Colocamos quatro atacantes, puxamos o Pratto de (camisa) dez, tudo que nós pudemos nós fizemos. Natel, que subiu comigo, estreou. Marcinho cansou um pouco. Colocamos o Bruno, fizemos tudo que podíamos, de todas as maneiras, mas a equipe da Ponte se postou bem. É uma pena, porque acredito que poderíamos sair com um empate”, explicou.

Ao ser indagado sobre uma eventual queda de condicionamento físico do time, Rogério Ceni negou.

“Não, mas eu entendo. Normalmente quando se perde sempre alguma coisa chama atenção, nossos últimos três gols foram marcados no segundo tempo. Quando você ganha um jogo algo é enaltecido, quando perde é normal que alguém enxergue alguma coisa nesse sentido”, minimizou.

O São Paulo volta à campo na próxima quinta-feira para duelo diante do Vitória no Morumbi às 19h30m (horário de Brasília), em jogo válido pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro.

Deixe uma resposta