Saídas de Kleber e Edinho do Grêmio devem acontecer ainda essa semana

1167243edinho-gremio
(Foto: Reprodução)

A situação de Kleber e Edinho no Grêmio é complicada. Os jogadores não fazem parte dos planos do treinador Luiz Felipe Scolari e não serão reintegrados, mesmo com a péssima fase vivida pelo Tricolor. Com o atual cenário que paira sob o clube gaúcho a pressão interna pela saída rápida dos atletas aumenta.

O caso do atacante, que atuou pelo Vasco em 2014, pesam os altos custos de uma rescisão para o Grêmio. Kleber tem vencimentos que giram em torno dos R$500 mil mensais. Com mais dois anos de vínculo, um rompimento unilateral do contrato com o Gladiador, por parte do Grêmio, custaria muito aos cofres do clube. Entretanto, depois de diversas conversas, um acordo parece mais próximo.

A situação de Edinho é mais fácil de ser solucionada. O salário do volante é menor que o de Kleber e não é um empecilho para a rescisão, que deve acontecer com mais tranqulidade. Diferentemente do Gladiador, Edinho nunca teve problemas de relacionamento com o grupo do Tricolor gaúcho.

Deixe uma resposta