Rose Miriam nega guerra com filhos por herança de Gugu

Foto: Reprodução/TV Globo

Após um ano da morte de Gugu Liberato, Rose Miriam deu entrevista para à reportagem do Fantástico, da Globo, neste domingo (22), e abriu o jogo sobre tudo o que viveu neste ano.

Miriam falou sobre o patrimônio deixado por ele. A médica, que vive nos EUA, tenta na Justiça o reconhecimento de uma união estável, o que mudaria radicalmente a distribuição da herança.

“É estranho porque eu não tô em guerra com meus filhos, eu não tô em guerra com ninguém. Eu falo: ‘Deus, eu não sei como é que aparece essa situação dos meus filhos terem advogados contratados pra… pra estarem em oposição comigo, mas nós não estamos em oposição’“, desabafou.

“Eles são meus filhos, me amam, eu amo meus filhos e desejo o melhor pra eles. Mas eu tenho os meus desejos também, eu tenho a minha posição como mãe, como companheira que fui durante todos esses 20, 19 anos, esses 20 anos da minha vida que nós estivemos como família”, acrescentou.

Questionada sobre uma conversa ou briga que ela teria tido com os filhos a respeito do testamento, a viúva de Gugu confessou:

“Houve realmente um momento, eu tive que inclusive sair de lá por duas vezes, pegar o avião e vir pra cá, ficar junto da minha mãe e dos meus irmãos. Porque eu tava em depressão”.

“Fiquei muito mal, sabe, com todo esse contexto judicial. Eu falei: eu vou acabar desistindo, porque eu não tô suportando a barra lá em casa. Ao ponto dos meus filhos dizerem coisas que nenhuma mãe quer ouvir. mas coitado, não é culpa deles. não é culpa de ninguém. Eu não tô querendo tirar nada que é dos meus filhos, porque tudo será preservado, tudo será dos meus filhos. Eu quero ter um reconhecimento porque eu não quero viver às custas de ninguém, sabe?”, disparou.

Deixe uma resposta