Rizin Fighting Vem aí

Rizin Fighting

No início do mês de outubro Nobuyuki Sakakibara, presidente do do Rizing Fighting Federation anunciou o início das atividades da nova organização de MMA e experiência não lhe falta uma vez que ele presidia o hoje extinto Pride FC.

O primeiro evento da organização acontecerá nos dias 29 e 31 de dezembro, na Saitama Super Arena e recebe o nome de Rizin Fighting World Grand Prix 2015

O evento, que será realizado no Japão, tem como grandes atrações o retorno de várias lendas do MMA como o russo Emelianenko Fedor, e Kazushi Sakuraba (o caçador de Gracies), além da presença de lutadores como Tito Ortiz, Mamed Khalidov, Mariusz Pudzianowski, King Mo Lawal, Paul Daley, entre outros, como a brasileira Gabi Garcia, multi-campeã de Jiu Jitsu e de Rena Kubota, pouco conhecida fora do Japão, mas uma das lutadoras com maior popularidade no país. E mais, há rumores de que Sakakibara tenha entrado em contato, ainda, com Ricardo Arona, Quinton Jackson e Wanderlei Silva (estes dois ainda com vínculo junto ao UFC).

Kasushi Sakuraba
Kasushi Sakuraba

Até o momento a única luta confirmada do dia 29 é entre os japoneses Sakuraba e Shinya Aoki, os dois maiores nomes do MMA no país do sol nascente.

Entretanto, o que mais impressiona é a parceria que o Rizin fechou com outros cinco eventos mundiais: o americano Bellator, o polonês KSW, o inglês BAMMA, o brasileiro Jungle Fight, e o sul coreano ROAD FC juntamente com uma organização de pro-wrestling japonesa e uma organização da Lituânia.

Essa será uma união jamais vista antes no esporte e que promete fazer frente ao UFC, hoje a maior organização da modalidade.

Porém, o evento tem tudo para ser um dos mais agressivos uma vez que seguirá as mesmas regras do Pride, onde pisões, “tiros de meta” e joelhadas no solo serão permitidos.

Estão programadas quatro grandes edições do evento para 2016, e acredito que seria bom Danna White e os irmãos Fertita colocarem as barbas de molho.

Ainda não há confirmação de qual emissora brasileira fará a transmissão do Rizin, mas como a Rede Bandeirantes transmite os eventos do Jungle Fight, que mantém vínculo com o novo evento japonês, há a possibilidade de que também o transmita.

Os fãs de MMA agradecem.

@oscarmendesf / Site oficial do autor

Mande e-mail para o colunista: oscarmendes@bastidoresdainformacao.com.br

Deixe uma resposta