Rachel Sheherazade é dispensada do SBT

Nesta segunda-feira, 7, o SBT informou à jornalista Rachel Sheherazade que seu contrato, que vence em 31 de outubro, não será renovado. Ela, que recebeu a notícia no seu aniversário, segundo informação de Ricardo Feltrin, do Uol, não tinha vontade de deixar a emissora, que a contratou em 2011.

Além dos comentários contra o atual presidente, Jair Bolsonaro, Rachel também foi alvo de internautas quando criticavam o PT. Em uma ocasião, quando alegou compreender o linchamento de bandido, a jornalista foi massacrada nas redes sociais por movimentos ligados à esquerda, que pediam sua demissão do SBT. Silvio Santos, porém, a manteve no ar.

Outro fator importante para a dispensa é o alto salário da profissional, que passaria dos R$ 200 mil mensais, acima do que o SBT pretende pagar para profissionais da bancada.

 

Deixe uma resposta