Queremos saber quem foi

REUTERS/Ricardo Moraes

Passados quase dois anos do ataque a Bolsonaro em Minas Gerais, efetuado por Adélio, ainda não sabemos quem mandou matar o presidente. O exame recente que apontou que o assassino tem problemas mentais pode até estar correto, mas ele, Adélio, rasga dinheiro?

Não é possível que as pessoas pensem que somos idiotas a pensar que um lobo solitário, por vontade própria, se arriscou em meio a um evento que reuniu milhares de seguidores de Jair para assassiná-lo. Há alguém por trás, peixe grande. Passou da hora de sabermos a verdade.

Deixe uma resposta