Progresso para a paz entre Rússia e Ucrânia pode acontecer

Vladmir Putin / Foto retirada da Internet
Vladmir Putin / Foto retirada da Internet

A  Ucrânia divulgou nesta quarta-feira (3) que seu presidente, Petro Poroshenko, chegou a um acordo com o presidente da Rússia, Vladimir Putin (foto), para colocar em prática um “regime de cessar-fogo” no conflito de Kiev com os rebeldes pró-Rússia.

No entanto, o Kremlin negou qualquer acordo de trégua real, o que causou confusão na véspera de uma reunião de cúpula da Otan. “As partes chegaram a um entendimento mútuo sobre as medidas que irão facilitar o estabelecimento da paz”, disse um comunicado do gabinete de Poroshenko, substituindo uma declaração anterior em que falava de um “cessar-fogo permanente”.

O impasse continua, mas já foram dados passos para o processo de paz. De acordo com a ONU, o conflito matou mais de 2.600 pessoas desde abril.

Deixe uma resposta