Presidente do Vasco critica arbitragem no jogo contra Palmeiras e diz que vai à CBF

Foto: Reprodução

O Vasco foi derrotado para o Palmeiras por 2 a 1 em São Januário. No entanto, o jogo foi marcado pelas decisões polêmicas da arbitragem.

Alexandre Campello, presidente do clube cruzmaltino, detonou a arbitragem de Rafael Traci.

“Arbitro tendencioso, começou dando sete cartões amarelos. Não deu a falta no gol do Palmeiras, deixou de dar o pênalti para o Vasco. Imagem clara. Esse juiz persegue o Castán, teve o mesmo problema que ele contra o Avaí”, começou por afirmar.

O dirigente afirmou que vai à CBF cobrar da comissão de arbitragem um posicionamento.

“É um absurdo o que está se fazendo. Se quiserem que o campeonato continue competitivo, tudo bem. Mas prejudicar o Vasco é inadmissível. Amanhã estarei na CBF cobrando isso da comissão de arbitragem”, finalizou.

Deixe uma resposta