Portugal desembarca com CR7 nos holofotes

unnamed_2
(Foto: Vinícius Fonseca )

Primeiro a chegar em 1500, um dos últimos a voltar em 2014. Horas depois de golear a Irlanda por 5 a 1 em amistoso nos Estados Unidos, Portugal desembarcou em Campinas nesta quarta-feira, às 12h05, para a disputa da Copa do Mundo. A delegação lusa, a penúltima das 32 da competição, desceu no Aeroporto Internacional de Viracopos liderada por Cristiano Ronaldo – logo após o pouso, ainda na pista, foi possível ver bandeiras de Portugal e do Brasil na janela da cabine do piloto.

Assim como aconteceu com outras delegações, os jogadores não tiveram contato próximo com o público, já que desceram na pista do aeroporto para embarcar direto no ônibus, que tinha estampada a frase “O passado é história, o futuro é a vitória”. Antes de seguir viagem, o técnico Paulo Bento concedeu ainda na pista entrevista ao jornal português “Record”.

– Foi uma viagem cansativa e longa, mas correu dentro do planeamento. Agora vamos descansar e nos preparar para o jogo contra a Alemanha. Teremos o apoio do povo em Campinas e vamos reunir as melhor condições para os jogadores – disse o comandante, aliviado por poder contar com todos os jogadores, após CR7, Pepe e Raul Meireles se recuperarem de lesões. – Os problemas físicos nos levaram a trabalhar com estruturas menores do que o esperado. Mas a preparação correu de forma satisfatória e positiva.

Recebida em grande estilo pelos campineiros, a seleção de Portugal tem quatro dias para se ambientar à cidade antes da primeira viagem prevista para a Copa. Os europeus viajam no sábado à noite para Salvador, onde enfrentam a Alemanha, segunda-feira, às 13h (de Brasília), na Arena Fonte Nova – Gana e Estados Unidos completam o Grupo G. Até lá, porém, vão aumentar o contato com o público local.

Nesta quinta-feira, às 10h30, CR7 e as demais estrelas lusas farão um treino aberto para dez mil torcedores no Estádio Moisés Lucarelli. A atividade será uma das exceções durante a passagem de Portugal pelo interior paulista. Apesar de ter outro treinamento marcado no local, possivelmente no dia 18, a seleção vai se isolar tanto no resort, em local reservado apenas a atletas e integrantes da comissão técnica, quanto no Centro de Treinamento da Ponte Preta, no Jardim Eulina.

Deixe uma resposta