Polícia não devolve armas de homem que ameaçou atirar em Lula

Foto: Reprodução

A Polícia Civil de São Paulo decidiu que não vai devolver o revólver calibre 38 e a espingarda calibre 12 apreendidas de José Sabatini, empresário de Artur Nogueira (SP) que gravou vídeo em que ameaçava atirar no ex-presidente Lula (PT).

As armas são registradas, mas a polícia encontrou histórico de boletins de ocorrência relacionados a eventos violentos protagonizados por Sabatini. Por avaliar que ele pode representar risco, não devolverá as armas.

Em 1997, Jair Corrêa registrou boletim de ocorrência dizendo que Sabatini havia tentado acertar um tiro nele. Ele disse ao Painel que Sabatini devia dinheiro a ele, apareceu em seu estacionamento e puxou o gatilho em direção ao seu pé, mas errou.

Deixe uma resposta