Planalto vê Moro forte candidato nas eleições 2022

(Foto: Divulgação/SBT)

Bolsonaro governa já pensando em sua reeleição. Agora, nas conversas e estratégias do governo há um alvo preferencial: o ex-ministro Sérgio Moro.

“Ele é um candidato forte, competitivo, mas vai ter dificuldades em encontrar uma postura, já que não poderá se portar como juiz”, avaliou um ministro palaciano.

As recentes declarações de Moro – como que o governo teria lhe usado para tentar ter uma bandeira anticorrupção – foram vistas por auxiliares do presidente de que o ex-juiz e ex-aliado “entrou de vez na disputa”.

“Ele era um homem importante do governo, fez falas fortes, mas que mostram que ele tem o objetivo de tentar ganhar parte do eleitorado”, disse um ministro.

“Não acho que seja uma missão fácil”, completou.

A avaliação é que a saída de Moro do governo de Bolsonaro, não foi tão ruim.

“Ele saiu mal, no começo achava que sua saída podia derreter o governo, mas o governo continuou e ainda tem sua força”, disse um auxiliar.

Deixe uma resposta