Partido de Macron é massacrado em eleições francesas

Foto: PHILIPPE WOJAZER / REUTERS

O partido do presidente Emmanuel Macron sofreu neste domingo, 28, uma dura derrota nas eleições municipais francesas, marcadas pela abstenção recorde e pelo avanço dos ecologistas, que conquistaram as prefeituras de várias das principais cidades do país.

Em Paris, a socialista nascida na Espanha Anne Hidalgo renovou seu mandato com mais de 50% dos votos, à frente de sua principal adversária, a ex-ministra da Justiça Rachida Dati, candidata do partido conservador, que obteve 32%.

Os Verdes, que avançam com força no tabuleiro político francês há algumas eleições, venceram em várias das principais cidades francesas, como Lyon, Bordeaux e Marselha, impulsionados pela crescente tomada de consciência dos franceses sobre as problemáticas ambientais.

“Esta noite venceu o desejo de um ecologismo concreto, um ecologismo de ação”, declarou o líder do Europa Ecologia Os Verdes (EELV) e eurodeputado Yannick Jadot.

Deixe uma resposta