Parlamentares apoiam colega que apalpou deputada na Alesp

Foto: Reprodução

Vários deputados foram ao gabinete de Fernando Cury (Cidadania) prestar solidariedade após ele ser acusado pela deputada Isa Penna (PSOL) de assédio na noite da última quinta-feira (17).

Passaram pelo gabinete de Cury, segundo a Folha de São Paulo, ao menos 15 parlamentares, que compraram a versão de que ele não fez nada demais ao tocar a colega.

No grupo, havia inclusive algumas deputadas. A avaliação é que o caso deve esfriar durante o recesso parlamentar, que vai até fevereiro.

O deputado Delegado Olim (PP) afirma que Cury é “um cara gente boa”, mas foi imbecil, infeliz”, diz. Já Penna, segundo ele, “é complicada”. “Mas está no direito dela de deputada [de levar o caso ao Conselho de Ética]”.

Deixe uma resposta