Opinião: Globo parece preocupada com doença, mas tirou coronavírus do ar por falta de audiência

Um exemplo de hipocrisia parece ter chegado à TV aberta. A Globo utiliza metade dos seus jornais para detonar Bolsonaro (já sabemos o motivo) e a outra metade para aterrorizar a população ao invés de informá-la de forma consciente a respeito do vírus. 

No entanto, chamou atenção que, embora verifique todo o tempo se o presidente usa ou não máscara, se abraça ou não as pessoas, a emissora tirou do ar o programa criado recentemente para falar exclusivamente do Covid-19. O motivo? Falta de audiência.

Entende-se que, por tanto criticar o presidente, preocupado com a economia, a Globo deveria dar o exemplo e manter seu programa que, mesmo sem IBOPE, foi feito, pelo menos oficialmente, com a intenção de ajudar o espectador. No entanto, ao invés de seguir esta linha, a empresa tirou o produto do ar, pois falta de audiência significa falta de patrocinador, inclusive para as seguintes atrações. Falta de patrocinador significa problemas econômicos e isso parece que só o pobre pode ter, não é?

Deixe uma resposta