O porquê não acusar o PT de sabotar o avião de Eduardo Campos

Foto: Veja
Foto: Veja

Li em vários lugares que existe suspeita de que houve sabotagem contra o avião de Eduardo Campos e estas suspeitas nas redes sociais recaem sobre os petistas.

Não existe motivo para que petistas, quaisquer que fossem, neste caso tenham feito qualquer tipo de sabotagem.

Vou explicar o fato.

Quando há um ano a polícia de Pernambuco prendeu agentes da ABIN disfarçados de trabalhadores do Porto de Pernambuco tentando obter alguma informação contra o Eduardo Campos, naquele tempo o PT tinha sim medo do crescimento de Eduardo e por isto poderia estar tentando achar algo contra ele.

Mas todo um ano passou e Eduardo deixou de representar ameaça contra o PT pelo que as pesquisas mostraram de votos tão poucos.

Então com Eduardo Campos a chapa do PSB estava lá embaixo porque Marina não transferiu os votos que ela tinha pra Eduardo e a chapa não tinha chance de chegar na disputa.

Durante todo este ano o PT bateu forte em Eduardo por razões naturais de campanha e não porque ele tinha chance.

E bateu também nos tucanos porque o PT tem o perfil de bater em todo mundo.

Vamos em frente.

Nos dias atuais, considerando os baixos números de Eduardo, nada ameaçava o PT a não ser a própria rejeição de Dilma e seu péssimo desempenho na economia.

Agora com a morte de Eduardo todo mundo sabia que se não fosse Eduardo a candidata seria Marina, coisa que vai acontecer.

Esta sim é temida por Dilma e seu grupo.

Marina tinha mais de 20% de ibope quando deixou a campanha de presidente com seu nome e agora volta com a emoção da morte de Eduardo.

Já tem fila de candidatos a vice dela e até esqueceram de algum nome da família de Eduardo, quer seja sua mulher, citada por Marina, quer seja seu irmão, citado por outros.

A entrada de Marina é o que de pior poderia acontecer aos petistas e por este motivo eles não podem ser suspeitos de nada contra Eduardo, coisa que corre tanto nas redes sociais.

A morte de Eduardo não interessava a ninguém.

Mande seu e-mail para James Akel : jamesakel@bastidoresdainformacao.com.br

 

Deixe uma resposta