O dia que o Corinthians não podia perder

Foto: Marcelo Moraes
Foto: Marcelo Moraes

Este fim de semana foi muito especial no futebol.

Um torcedor apaixonado pelo Corinthians conseguiu ir ao estádio ver seu time.

Então meu leitor vai questionar a situação porque milhões de torcedores apaixonados do Corinthians vão ao estádio.

Mas este torcedor, de nome João é um caso excepcional.

Ele tem uma doença rara e durante seis meses sua família negociou uma condição especial para que ele pudesse ver o jogo.

E João viu o jogo em cima de uma cama instalada num camarote do quinto andar do estádio.

Foi algo que emocionou o Brasil quando as câmeras de tv mostraram aquele João apaixonado pelo Corinthians vendo um jogo no camarote.

Antes de começar o jogo o técnico Tite, admirado por João, foi ao seu encontro, deu autógrafo e não escondeu lágrimas que são inevitáveis.

Embora João tivesse tido declarações de seus médicos de que ele viveria apenas três anos, já se foram sete e ele continua corinthiano.

Ontem foi a realização de seu grande sonho e agora ele conquistou com o amor de sua família e o amor da diretoria de seu clube.

Pra João nada mais importa depois disto.

Pra todos, inclusive jogadores e técnico, fica a lição de que o futebol não é apenas um esporte.

O futebol não é apenas uma arte.

O futebol é pra milhões de pessoas a grande compensação da vida.

E ontem João viu seu grande amor de vida que é seu time.

Foi com certeza o único dia que o Corinthians não poderia ter pedido.

E o Corinthians deu a João a sua grande vitória.

Mande seu e-mail para James Akel : jamesakel@bastidoresdainformacao.com.br

 

 

Deixe uma resposta