Novo ministro do Turismo toma posse no Palácio do Planalto

Foto: Isac Nóbrega/PR

O novo ministro do turismo, Gilson Machado, tomou posse nesta quinta-feira (17), no lugar de Marcelo Álvaro Antônio, no Palácio do Planalto. Durante a posse, ele defendeu o turismo como motor para a retomada do crescimento. “Somos hoje o país da América Latina que tem o maior potencial de crescimento e a melhor velocidade de retomada de crescimento. E o turismo para isso tem um papel importantíssimo”, afirmou.

Também destacou o turismo de inclusão, em que o visitante com alguma deficiência ou idoso tenha mais facilidade de se locomover nos pontos turísticos. “Nós vamos fazer história com o turismo de inclusão.”

Na posse, o Presidente Jair Bolsonaro destacou que o turismo é fundamental para a economia brasileira e destacou o trabalho feito no ministério. “Quero agradecer, do fundo do coração, o trabalho do Marcelo Álvaro Antônio à frente do Ministério do Turismo. Ele deu tudo de si. Passou um momento difícil no corrente ano, onde o primeiro setor atingido foi o turismo”.

E deu as boas-vindas a Gilson Machado à frente da pasta. “Quero agradecer agora, elogiar e desejar muito boa sorte ao Gilson Machado”. A nomeação de Gilson Machado, que estava à frente da Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo (Embratur), foi publicada na quinta-feira (10), no Diário Oficial da União.

Perfil

Gilson Machado é natural de Recife, e esteve à frente durante mais de um ano como diretor-presidente da Embratur, onde atuou na promoção do turismo brasileiro no exterior e, mais recentemente, com a Covid-19, na promoção doméstica. Antes de assumir a presidência da Embratur, em maio de 2019, foi secretário nacional de Ecoturismo do Ministério do Meio Ambiente.

Veterinário por formação, ele tem mais de 30 anos de experiência no setor turístico. É membro do trade turístico da Rota dos Milagres e do Convention Bureau de Maragogi. Além disso, é empresário, produtor de eventos e músico.

Deixe uma resposta