Ninguém pensa em alguém!

Por Deyvid Xavier

FOTO WILTON JUNIOR/ESTADÃO

Brasil, sede da Copa das Confederações em 2013, da Copa do Mundo de 2014 e das Olimpíadas em 2016. Só não foi sede da Copa América em 2015 por já estar sediando muitos eventos esportivos, então, trocou com o Chile, campeão da edição, e sediará a edição de 2019.

Obras, legados, estádios modernos, tudo indo muito bem! Que grande mentira! Obras cheias de corrupção, legados que nunca existiram e estádios modernos superfaturados, prejuízo total e crise financeira no país. Na manhã desta de quinta-feira (5), Carlos Arthur Nuzman, presidente do COB (Comitê Olímpico do Brasil) foi preso por suspeita de compra de voto para sediar a Olimpíada no Rio de Janeiro. Quem duvida?

Trouxeram grandes eventos esportivos para o Brasil e isto foi sensacional do ponto de vista esportivo. Porém, de um modo geral, foi um grande cabide de corrupção e falcatruas que acabaram com o país. Ninguém pensa na população. Jamais foi algo feito para o desenvolvimento do Brasil, mas sim, dos próprios bolsos.

O Rio de Janeiro, mais do que outros Estados, sofre grande crise financeira. Outro nome que está envolvido no esquema de corrupção é o do ex-governador Sérgio Cabral. E, mais uma vez, quem duvida? Quem bota a mão no fogo por alguém? Assolado com a corrupção, o brasileiro não sabe mais em quem acreditar.

Triste do nosso esporte. Triste dos nossos atletas olímpicos, que sempre sofreram muito com a falta de apoio nos esportes que praticam. É revoltante saber que tudo neste país é usado para levar vantagem. Se o lema dos esportistas é “um por todos e todos por um”, o lema dos “corrupcionistas” é “um milhão para mim, um milhão para você!”.

Deixe uma resposta