Neymar dá susto durante o coletivo, e Felipão mantém Oscar como titular

1neymar_mowa
(Foto: Mowa Press)

Com o início do coletivo, um pequeno susto. Neymar torceu o pé direito enquanto corria sozinho, foi atendido, causando apreensão, mas voltou à atividade. Felipão fez questão de orientar em jogadas ensaiadas de bola parada – Neymar, David Luiz e Marcelo treinaram faltas. Em um dos lances, o técnico precisou dar bronca. Ao tentar inverter uma bola, Hulk deu um contra-ataque aos reservas. Scolari não gostou e disse: “Não inventa. No jogo não dá para ficar inventando”.

A escalação inicial foi: Julio César, Daniel Alves, David Luiz, Thiago Silva e Marcelo; Luiz Gustavo, Paulinho e Oscar; Hulk, Neymar e Fred. Depois, algumas alterações. O zagueiro Henrique chegou a fazer a função de volante, com a seguinte formação: Julio César, Daniel Alves, David Luiz, Thiago Silva e Marcelo; Henrique, Luiz Gustavo e Paulinho; Hulk, Neymar e Jô.

No banco, dois jogadores do Fluminense “integraram” o elenco na Granja Comary: o zagueiro Wellington Carvalho e o atacante Robert. Foram chamados para entrar caso a comissão técnica optasse por poupar algum dos convocados. E Robert acabou tendo uma chance. Justamente após a saída do seu companheiro de clube. Fred deu lugar a Jô entre os titulares, e o jovem jogador passou a defender os reservas.      

No fim, todos convocados foram até a grade que separa o campo da torcida e tiraram fotos, distribuíram autógrafos para os fãs. Alguns torcedores tentaram se aproximar ainda mais, em área restrita, e foram contidos pelos seguranças.

O Brasil estreia na Copa do Mundo na próxima quinta-feira, na Arena Corinthians, às 17h (horário de Brasília), contra a Croácia. México e Camarões completam o Grupo A.

 

Deixe uma resposta