Morre o ex-presidente da Câmara, Severino Cavalcanti

Morreu em Recife na madrugada desta quarta-feira, 15/7, o ex-presidente da Câmara dos Deputados, Severino Cavalcanti. Ele tinha 89 anos e, de acordo com familiares, sofria com problemas cardíacos.

Em 2005, Cavalcanti, do “baixo clero” de Brasília, venceu o candidato indicado pelo então presidente Lula, Luiz Eduardo Greenhalgh. Foi a maior derrota do petista desde que assumiu o governo, em 2003.

O mandato do parlamentar na presidência da casa, entretanto, durou pouco. No mesmo ano, ele foi acusado por Sebastião Buani, dono de um restaurante na Câmara, de receber R$ 10 mil por mês para manter o estabelecimento ativo. A denúncia recebeu o nome de “mensalinho”. Em setembro do mesmo ano, diante da repercussão, Cavalcanti renunciou ao cargo de deputado e deixou a presidência da Câmara.

Deixe uma resposta