Luxemburgo elogia torcida do Sport e quer vaga na Libertadores

(Foto: Divulgação/Sport)

Vanderlei Luxemburgo deu início, nesta terça-feira, a um novo desafio em sua vitoriosa carreira. Apresentado pelos diretores do Sport, o técnico manteve a irreverência e autoconfiança.

“Não foi diferente do que eu imaginava [a estrutura]. Centro de Treinamentos, a motivação, a proposta de conquistas, de elevar esta grandeza do Sport a nível nacional, objetivando realmente estar entre as seis equipes que vão brigar pela Libertadores. E este é o primeiro objetivo nosso. Que os jogadores tenham este conhecimento, este discernimento do porquê de estar aqui”, disse.

Perguntado sobre títulos, disparou: “Me cobram muito nestes últimos tempos. Estão me cobrando bastante. E eu acho isto legal. Se estão me cobrando é porque eu tenho valor”, assegurou.

“Eu tenho que mostrar para mim, não para vocês [imprensa]. Tenho que mostrar para mim. Se vocês me cobram é porque sou um técnico vitorioso”, garantiu.

Luxemburgo elogiou os torcedores do Leão, além de destacar a Ilha do Retiro:

“A primeira coisa que a gente tinha que fazer aqui não era quebrar o gelo da equipe do Sport. Era quebrar o gelo desta ‘magia’ que é a Ilha. É uma coisa fantástica, é difícil ganhar do Sport aqui, já estive diversas vezes. Então eu tinha que quebrar o gelo da ‘magia’ da Ilha. Tinha a chegada, o estádio, a torcida. Aquele ‘cazá’, ‘cazá, ‘cazá’ entra dentro de campo”, afirmou o treinador.

“Para mim, este torcedor [do Sport] não é um torcedor normal, ele está acima disso. Para mim, ele é o centroavante da equipe. A partir de agora vamos chamar este ‘centroavante’ da equipe para realmente encher a Ilha”, completou.

Luxemburgo revelou, ainda, que quase assumiu o Leão antes de começar no Bragantino em 1990.

“O Sport parece que está na minha vida há bastante tempo, porque antes de eu começar no Bragantino, quase vim trabalhar aqui. Já tinha pintado conversas em diversas vezes, mas não tive a oportunidade”, contou.

Após a apresentação, o técnico foi a campo comandar seu primeiro treino na equipe pernambucana. Ele já estará no banco de reservas nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), quando o Sport recebe o Botafogo pelo jogo de volta da Copa do Brasil na Ilha do Retiro.

Deixe uma resposta