Lenda da blusa de lã com gola alta

Reza a lenda que na, Idade Média, existia uma menina chamada Gélida, que morava só com o avô. O problema é que ela tinha a garganta muito sensível e por isto passava mal no frio. Porém vivia perdendo os panos com os quais ela mesma fazia cachecóis.

Numa tarde gelada, Gélida estava na lavoura tossindo muito. Quando de repente, surgiu uma cigana, carregando uma sacola cheia de blusas e disse:

– Boa tarde!

– Meu nome é Sônia e vi que precisa comprar agasalhos para proteger a sua garganta!

– Sou costureira e fiz blusas de lã, com gola alta, por um preço bom.

Gélida explicou:

– Desculpe, não tenho moedas!

A cigana ficou com pena da menina e falou:

– Possuo uma blusa, de gola alta, usada e posso dar a sua pessoa.

Deste jeito a garota vestiu a peça, se sentiu quente e sua garganta ficou curada.

Após isto, todas as pessoas da vila ficaram interessadas em comprar esta peça da cigana costureira.

Deste jeito até as rainhas e reis adotaram a moda no inverno. Inclusive a peça passou a fazer parte do uniforme dos militares no frio.

No século dezenove, esta roupa passou a ser usada por atletas no frio e, por isto, recebeu o apelido de gola olímpica. Mas tempos depois saiu de moda.

Na década 20, ela voltou às ruas graças à estilista, Channel, e as estrelas de cinema.

Tempos depois a peça saiu, fora de moda, novamente. Porém, voltou anos depois, após a Segunda Guerra Mundial porque os japoneses adoraram a blusa, de gola alta, como uniforme dos operários. Pois eles precisavam de algo prático e, ao mesmo tempo, quente.

Após isto, nos anos 50 e 60, artistas como: Elvis Presley, The Beatles e Audrey adotaram esta blusa.

Esta peça também recebeu o apelido de Cacharrel porque a marca, que tinha este nome, lançou a blusa de lã, com gola alta, para o mundo inteiro com diversas cores e tamanhos no início dos anos 60. Deste jeito, popularizou a peça.

Reza a lenda que, nos anos 80, Steve Jobs conheceu um guru que indicou o uso da blusa, com gola alta, para proteger o chacra da garganta.

Naquela época, eu usava esta blusa por baixo da camiseta do uniforme da escola. Já que, em Curitiba, sempre fez muito frio.

Nos anos 90, beldades como Xuxa, Cindy Crawford, Luísa Brunet, Linda Evangelista, Júlia Roberts e Sharon Stone adotaram esta moda.

Para a Vesteterapia, terapia através das roupas, esta blusa modelo cacharrel tem o poder de proteger a garganta e também as palavras que saem da boca. Pois quando uma pessoa veste, uma peça destas, pensa duas vezes antes de ofender alguém.

Assim, neste frio, quer proteger a garganta e conter as palavras mantendo a elegância?

Então, vista uma blusa de lã com gola alta!

Além disto, ela fica elegante se você colocar um terno ou uma jaqueta por cima.

Luciana do Rocio Mallon

Deixe uma resposta