Jorginho ignora provocação de Guerrero: “Nossa resposta é no campo”

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O atacante Guerrero arriscou o placar de 3 a 0 e afirmou que o Flamengo iria passar por cima do Vasco. Apesar das provocações, o técnico Jorginho ignorou as declarações e disse que só se interessa em sair de campo classificado para as quartas de final da Copa do Brasil.

– Nossa resposta é no campo. Não gosto de responder a jogador. O que queremos é a classificação, disse o treinador.

No jogo de ida, o Vasco venceu por 1 a 0 na estreia de Jorginho. Agora joga pelo empate para avançar às quartas de final da competição. Vitória do Flamengo pelo mesmo saldo de gols leva a decisão para os pênaltis.

Na lanterna do Campeonato Brasileiro com apenas 13 pontos , o Vasco vê na classificação a chance de uma motivação extra. Mas nem por isso o treinador pretende utilizar as provocações como motivação para a equipe.

– Não costumo fazer isso (colocar reportagens na parede do vestiário). Às vezes, o atleta se sente bem falando assim. O mais importante é como meus atletas estão recebendo essa informação. E eles estão recebendo bem. Não existe provocação, não tem que discutir em campo. Uma das coisas que aprendi na Alemanha e no Japão: disciplina e respeito a meu companheiro. Mesmo adversário, não é meu inimigo. Tenho que preservar sua saúde física. É muito importante ter um grande jogo, de pegada, força e muita qualidade tática, mas temos que entender que não podemos levar a violência que vivemos para dentro de campo. Basta de violência, declarou.

Flamengo x Vasco será disputado no Maracanã, amanhã (26), às 22h (horário de Brasília).

Deixe uma resposta