João Dória entra na justiça contra vereador

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O pré-candidato do PSDB João Doria, por meio de seus advogados, vai interpelar judicialmente o vereador Adolfo Quintas (PSDB), aliado de Andrea Matarazzo nas prévias do partido, que no dia 28 escolherá o represente dos tucanos na disputa pela Prefeitura de São Paulo. Doria quer que o vereador confirme na Justiça a acusação de que ele estaria oferecendo dinheiro para “cooptar filiados” do partido para vencer as prévias.
Doria também vai ingressar com uma representação no Conselho de Ética para que o Diretório Municipal tome providências contra Quintas pela ofensa ao pré-candidato. O vereador desrespeitou pelo menos dois incisos do estatuto partidário.
O inciso 4º prevê que o filiado deve manter conduta ética, pessoal e profissional compatível com as representações partidárias, particularmente do exercício do mandato eletivo e de função pública. Já o inciso 6º afirma que deve-se manter relações de urbanidade e respeito com os dirigentes partidários, detentores de mandatos eletivos e demais filiados.

Deixe uma resposta