Índice de abstenção do ENEM cai; eliminações chegam a 1.519

(Foto: Reprodução/Internet)
(Foto: Reprodução/Internet)

De acordo com dados divulgados pelo Ministério da Educação, em 2014, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) teve seu índice de abstenção reduzido com relação ao ano passado. Enquanto em 2013 o número apresentou 29,7 %, este ano 28,8% dos inscritos não compareceram. O MEC ainda informou que 1.519 pessoas foram eliminadas.

Apesar das ocorrências, o ministro da Educação, Henrique Paim, se disse satisfeito com a organização das provas. “Tivemos um Enem tranquilo, o que demonstra a consolidação do processo. A logística aperfeiçoada a cada ano está mostrando resultados”, afirmou.

No entanto, Paim conta que o número de eliminações pode subir. “Nós temos registro na sala de aula que vão aparecer mais à frente”, ressaltou. Dos candidatos eliminados, 236 foram pelo uso do celular durante as provas, que aconteceram no sábado (8) e no domingo (9).

O ministro ainda elogiou o método de avaliação do Enem. “Esse processo está consolidado e temos, sem dúvida alguma, um exame que abre cada vez mais oportunidades para jovens e trabalhadores do país. É uma política que vem gradativamente sendo melhorada”, disse.

Deixe uma resposta