Governo vai pagar mais duas parcelas de R$ 600

O presidente Jair Bolsonaro vai pagar o auxílio emergencial em mais duas parcelas de R$ 600, ao invés de três pagamentos de R$ 500, R$ 400 e R$ 300, respectivamente.

A decisão tem como objetivo a fácil execução da proposta que, sem alteração de valores, não precisa de um novo texto com aprovação do Congresso.

A lei que aprovou o auxílio emergencial concedeu à Presidência a possibilidade de renová-lo, desde que os valores fossem mantidos.

Deixe uma resposta