Governo firma parceria com 10 empresas

Foto: Marcos Corrêa/PR

Dez empresas firmaram parceria com o Governo Federal para patrocinar ações do Programa Águas Brasileiras. Elas aportarão recursos em projetos de revitalização das principais bacias hidrográficas do país. O anúncio foi feito em cerimônia no Palácio do Planalto com a presença do Presidente Jair Bolsonaro, nesta segunda-feira (22), quando é comemorado o Dia Mundial da Água.

“Não existe segurança alimentar sem recursos hídricos. E nós temos que preservar esses recursos. Tratar com devido carinho e respeito, para que não nos falte. Afinal de contas, né, quem tem um país como o nosso? Aqui na América do Sul, a maior lagoa é a Lagoa dos Patos, lá no nosso querido Pampas. Quem tem cinco bacias hidrográficas, as maiores, como as nossas aqui do Brasil? Quem pode falar do Rio Amazonas? O São Francisco, que estamos agora ultimando obras, para que a água seja levada a todo nosso querido Nordeste brasileiro. Nós temos tudo isso”, ponderou o Presidente.

“E esse projeto agora, que vem casado com nosso Congresso Nacional, é muito bem-vindo. Junto com eles, não há surpresa, mas há certeza que os empresários viriam também. E temos vários deles aqui, no qual eu agradeço a todos vocês por acreditarem no Brasil e acreditarem no nosso Governo”, completou.

No evento, as empresas Anglo American, Rumo Logística, Ambev, MRV Engenharia, Stone, Vale S.A, Engie Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal e JBS formalizaram a adesão e receberam o Selo Aliança pelas Águas Brasileiras.

Águas Brasileiras

Lançado em dezembro do ano passado, o Programa Águas Brasileiras busca parceria com a iniciativa privada para impulsionar iniciativas de preservação e recuperação de áreas degradadas nas bacias hidrográficas. A meta é ampliar a quantidade e a qualidade da água disponível para consumo e para o setor produtivo, de forma a fomentar o desenvolvimento regional e garantir mais qualidade de vida para a população.

As organizações que financiarem os projetos do programa têm vantagens como a inclusão dos elementos ambiental, social e governança corporativa na cultura organizacional e no posicionamento no mercado, agregação de valor às cadeias produtivas por meio de práticas sustentáveis e adaptação dos modelos de negócio à economia de baixo carbono.

Ações do programa

Este ano foi lançado edital que selecionou 26 propostas para o programa Águas Brasileiras. Elas contemplam mais de 250 municípios de 10 estados e visam ao uso sustentável dos recursos naturais e a melhoria da disponibilidade de água em quantidade e qualidade para os usos múltiplos.

Entre os objetivos do programa estão: consolidar e recuperar Áreas de Preservação Permanentes (APPs), avançar nos mecanismos de conversão de multas ambientais e pagamentos por serviços ambientais e aprimorar medidas de gestão e governança que garantam segurança hídrica.

Estão previstas ações como a preservação de nascentes, recomposição de matas ciliares, manejo florestal sustentável e soluções sustentáveis de saneamento e reuso de água.

Deixe uma resposta