Globo erra nos fatos históricos em “Joia Rara”

Divulgação: Globo
Divulgação: Globo

A novela Joia Rara é um exemplo de coisas que no passado não aconteceriam na TV Globo.

Um leitor desta coluna, político atento e colecionador de carros, escreveu-me o que vai a abaixo no texto.

O Partido Comunista foi extinto no Brasil em 1947 mas na novela tem deputado comunista em 1948.

E em 1948 aparece um carro de polícia do ano de 1951.

Alguém vai me dizer que o que escrevi é preciosismo e que novela é fantasia.

Mas mesmo a fantasia de novela não pode falsear a realidade.

Numa fantasia ninguém pode dizer que o Brasil fica ao lado da Europa.

Da mesma maneira não pode uma fantasia dizer que Colombo descobriu o Brasil.

E por aí vai o que não pode existir numa fantasia.
No tempo de Boni isto não aconteceria.

Mande seu e-mail para James Akel : jamesakel@bastidoresdainformacao.com.br

Deixe uma resposta