General da ativa faz acusações a Dilma

Sérgio Etchegoyen

O General da ativa Sérgio Etchegoyen, divulgou texto em nome de sua família de militares contestando as acusações contra sua família, principalmente contra seu pai.

É o primeiro caso em que um militar general da ativa assume o confronto contra os membros da Comissão Nacional da Verdade.

Outros militares da ativa estudam divulgação de pronunciamentos públicos contra as decisões dos comunistas que tem o apoio de Dilma e apoiam Dilma.

O general Etchegoyen comunicou ao comandante do Exército que faria isto em nome de sua família.

O General Enzo não contestou a atitude de Etchgoyen.

Todo respeito pelo luto de familiares que morreram em confronto ou sob tortura.

Mas uma vez que o General Figueiredo aceitou definir a Anistia Ampla Geral e Irrestrita, permitindo que comunistas e guerrilheiros voltassem ao Brasil anistiados, esta atitude é um rompimento de acordo pela parte dos comunistas e socialistas que apoiam Dilma e querem testar até onde podem oprimir e agredir o Exército.

Se por um lado o comandante geral Enzo Peri está quieto sabe-se lá o motivo, militares oficiais da ativa parece que não vão ter a mesma atitude passiva de Enzo e devem ter atitudes que sabe-se lá onde podem dar.

Mande seu e-mail para James Akel : jamesakel@bastidoresdainformacao.com.br

Deixe uma resposta