EUA pode ajudar Maranhão na construção de novo hospital

Foto: Divulgação

O Departamento de Defesa do governo dos Estados Unidos vai pagar a construção de um hospital de campanha para o combate ao coronavírus em Bacabal, cidade a 240 km de São Luís, no Maranhão.

Segundo ofício do cônsul-geral do país norte-americano John M. Barrett ao governo Flávio Dino (PC do B), o hospital terá 40 leitos e contará com qualidade semelhante a dos hospitais de campanha utilizados em nível doméstico e internacional pelos Estados Unidos.

O governo norte-americano contribuirá com macas, ar-condicionado e geradores, que têm chegada prevista para agosto.

Além da estrutura, já doou equipamentos de proteção individual e cestas básicas para a administração do Maranhão.

Os insumos e os profissionais do hospital serão fornecidos pelo governo do Maranhão, que solicitou a doação ao governo norte-americano por meio de sua secretaria de Indústria, Comércio e Energia.

Simplício Araújo, secretário de Indústria do Maranhão, declarou que vem recebendo provocações de bolsonaristas pelo fato do estado, que é governado pela esquerda, ir pedir ajuda aos Estados Unidos.

“Digo para eles que aprendi na China que não importa a cor do gato, o importante é que mate o rato”, afirma, aos risos ao Painel da Folha.

Deixe uma resposta