Federer vence Murray em jogo beneficente e arrecada R$ 4,3 milhões

(Foto: REUTERS/Arnd Wiegmann)

A segunda-feira foi um dia festivo em Zurique, na Suíça, para os amantes do tênis. Um dia em que o suíço Roger Federer e o britânico Andy Murray entraram em quadra em clima leve, distribuíram sorrisos e deram entrevistas descontraídas, tiraram muitas fotos e se abraçaram antes de jogar no Hallenstadion.

O objetivo dos dois, diferentemente dos disputados encontros nos Grand Slams e torneios da ATP, não era a vitória ou levantar o troféu no fim de jogo. Na verdade, sair vencedor era só um detalhe.

O objetivo era levantar fundos para a fundação do suíço que ajuda crianças em seis países na África e em seu país. Mas, no fim das contas, deu Federer, pelo placar de 2 a 0, com parciais de 6/3 e 7/6(6). 

Deixe uma resposta