Falta de novidade no “Programa do Porchat” explica sua queda de audiência

CONTROLE3

Com menos de duas semanas no ar, o “Programa do Porchat”, apresentado por Fábio Porchat, já faz parte da fase sombria que a Rede Record enfrenta atualmente. Estreado para salvar a faixa noturna do canal, o talk show surpreendeu em seu primeiro dia, quando chegou à liderança, com 10 pontos, em São Paulo, porém, a situação não se repetiu a partir de seu segundo dia, quando o humorista e sua produção viram o número cair pela metade. 

O principal concorrente de Porchat é seu amigo Danilo Gentili, que por ironia, recebeu o apresentador da Record, hoje o seu concorrente, em sua estréia, em 2014, no SBT. Gentili, até agora, não sentiu o efeito da atração de Porchat, no quesito audiência. 

fabio-porchat-record_0
Fábio Porchat já começa a sentir os desafios da TV aberta

Não há novidades

O motivo da queda brusca de audiência da nova atração noturna do canal dos bispos é simples: não há novidade. O telespectador que acompanhou a estréia do “Programa do Porchat”, com certeza, esperava algo novo, mas o que ele viu foi exatamente o que o SBT já exibe no horário -cenário, apresentador, banda, formato de entrevista, convidados – então, pra quê mudar de canal, não é mesmo?

 “Controle na Mão”, toda segunda-feira, às 20h, no BDI.

Mande seu e-mail para o colunista: charlesdouglas@bastidoresdainformacao.com.br

Veja mais publicações do Charles. Acesse o seu blog: www.dropsdocharles.com.br

Deixe uma resposta