E a prisão do presidente? Cadê?

Dario Oliveira/Estadão Conteúdo
Dario Oliveira/Estadão Conteúdo

Ou o governo prende de verdade este baderneiro presidente do Sindicato de Metroviários por guerrilha urbana e crime contra segurança nacional ou de nada vai adiantar qualquer sentença de Justiça de coisa alguma.

Se a Justiça determina ilegalidade de greve e multa, o presidente do sindicato afronta a Justiça e nada acontece, nada vai mudar.

O governo tem que enfrentar de verdade gente que quer fazer baderna e parar a cidade.

Gente deste tipo que faz guerrilha prejudica toda a população e comete crime qual bandido que é preso por lesão corporal ou tentativa de homicídio.

Impedir que as pessoas possam cuidar da saúde é tentativa de homicídio.

Impedir que pessoas possam trabalhar e percam dinheiro é crime de tortura psicológica.

Ou o governo toma uma atitude de verdade fazendo a polícia usar a força contra estes baderneiros e depois prender gente deste tipo ou nada muda.

Não queiram achar o comandante do Exército General Enzo porque ele deve estar escondido em algum lugar pra nem ser achando.

O Exército não está cumprindo seu papel de defensor da ordem social da Constituição do país e guardião da ordem do povo.

Mas isto faz tempo e até agora nenhum dos comandantes das Armas deu parecer público sobre o estado de desordem do Brasil nestes tempos.

E quanto à Justiça, o mínimo que se espera é que o Ministério Público abra processo e a Justiça mande prender e cassar o mandato de toda diretoria do sindicato, assim como diretores de outros sindicatos que participaram desta baderna.

Mande seu e-mail para James Akel : jamesakel@bastidoresdainformacao.com.br

Deixe uma resposta