Dia 21/03 Você terá 12 horas para cometer qualquer tipo de crime

Fala Galerinha, tudo bem com vocês ? Bom tirando todo esse caos aqui de São Paulo, vamos levando né ?

 

Bom, o filme que iremos falar, remete um pouco desse caos que estamos vivendo “Uma noite de Crime” titulo traduzido de “The Purge” ou O Expurgo, como seria mais legal. O Filme se passa num futuro não muito distante onde o governo dos Estados Unidos vendo que os presídios estão super lotados, decidem criar uma nova lei, onde num determinado dia, por 12 horas, todo tipo de crime é liberado. Por isso, James cria uma espécie de segurança automática para sua casa, a fim de evitar ataques no dia do Expurgo, assim, ele vende a tecnologia para outros que desejam se proteger também. A Idéia do filme, inicialmente causa estranheza, assim como a seqüência de abertura que mostra pessoas sendo brutalmente atacadas, tudo isso em imagem de câmeras de segurança e uma doce melodia de uma opera. Um elemento, já conhecido pelos fãs do gênero Suspense/Terror está presente: Máscaras ! Que dão ao filme um tom mais sombrio, impossivel não lembrar de “Os Estranhos”, e apesar de elementos já conhecidos, o filme trás uma narrativa que parece algo inovador, mas cai no clichê básico, o que não torna o filme ruim, porém você fica com aquela sensação de “Poderia ter sido melhor aqui…ou ali”. O Fato dos “Mascarados” se revelarem logo foi algo que decepcionou,

Mascarados dão o tom assustador ao filme
Mascarados dão o tom assustador ao filme

 

 

o Elenco aqui está bem afiado, souberam dosar bem as suas emoções, Ethan Hawke cumpre bem seu papel de protagonista apesar de não se sobressair sobre os demais. O Filme foi um estouro nas bilheterias, visto que teve um custo de apenas de 3 milhões de Dólares e arrecadou mais de 90 milhões, algo muito significativo e bem visto pelo cinema como as franquias: A Bruxa de Blair, e Atividade Paranormal. O que rendeu uma sequência para o longa, e o primeiro trailer já saiu, e confesso que me deixou bem mais empolgado que o primeiro, visto que  agora a situação se inverte, ao invés de ficarmos am apenas um ambiente, casa, agora a história acompanha um casal que fica do lado de fora, nas ruas, submissos a todos os ataques, vale a pena conferir o primeiro filme e aguardar pelo segundo.

Cena do Longa
Cena do Longa

 

 

Mas, ainda sim o que mais chama a a atenção no filme, é sua história, e solução de renascimento de uma nação para banir a violência, com a violência, algo que te faz pensar ai por uns bons dias…Confiram abaixo o trailer da sequência e a nota do primeiro:

3

 

“Cinerama”, toda Quinta, ás 20:00 – No BDI

Mande seu e-mail para Guilherme Alves : guilhermealves@bastidoresdainformacao.com.br

 

Deixe uma resposta