De saída da Ponte Preta, Cafu está próximo de acerto com o Palmeiras

cafu
(Foto: Marcos Ribolli)

O Palmeiras está perto de tirar o atacante Cafu da Ponte Preta. Com conversas adiantadas, a diretoria alviverde discute os detalhes da negociação com a Doyen Sports para assinar com o jogador por três anos. O grupo de investidores detém a maior parte dos direitos econômicos de Cafu. À Macaca, sem poder de decisão neste caso, resta aguardar o depósito de uma compensação financeira pela transação para liberar o atleta.

Uma reunião entre a diretoria do Palmeiras e representantes do atacante está prevista para a tarde desta sexta-feira. O Verdão já enviou a proposta e espera uma definição até segunda.

O interesse do Palmeiras em Cafu surgiu na semana passada. A pedido da comissão técnica de Oswaldo de Oliveira, o clube procura atacantes de beiradas. E Cafu se encaixa neste perfil. Ele tem na velocidade a principal característica. Foi um dos destaques da campanha do acesso da Macaca à elite nacional, com seis gols e sete assistências. Ao todo, foram 32 partidas com a camisa alvinegra – contando também a Copa do Brasil.

Aos 23 anos, Cafu chegou ao clube campineiro após chamar a atenção no Campeonato Paulista pelo XV de Piracicaba, onde fez cinco gols. Por aproximadamente R$ 500 mil, o Grupo Doyen Sports comprou o atacante e o repassou, sem custos, à Ponte. O vínculo entre as partes vai até maio de 2017. Pelo contrato, a Macaca é obrigada a liberar o atleta em caso de pagamento de um valor compensatório (taxa de vitrine). Os direitos de Cafu pertencem 45% à Doyen, 30% a um grupo de empresários e 25% à Macaca.

Deixe uma resposta