CPM 22 afasta baterista de Japinha após vazamento de conversa com fã menor de idade

Foto: Cláudio Augusto/Brazil News

O CPM 22 anunciou o afastamento do baterista Japinha da banda nesta quarta-feira (10). A decisão foi tomada após o vazamento de conversas dele com uma fã de 16 anos.

Japinha confirmou que teve a conversa em 2012, mas disse que fazia “brincadeiras” e não tinha “intenção de seduzir”.

“Após os últimos acontecimentos, decidimos pelo afastamento do nosso baterista, Ricardo Japinha, reafirmando nossa posição de não compactuar com atitudes desrespeitosas com quem quer que seja. A banda continua”, diz o comunicado do CPM 22.

Japinha tocou no CPM 22 durante 21 anos. Ele entrou na banda em 1999, quatro anos depois de sua formação, e tocou em todos os sete álbuns de estúdio.

Nas mensagens eles falaram de namoro e virgindade. A conversa com o baterista, que na época tinha 36 anos, foi divulgada no dia 4 de junho de forma anônima, em um perfil chamado “Exposed emo” no Twitter. 

“A gente não pode deixar todo mundo falando mal de mim. Os caras me conhecem, sabem da minha índole, me acompanham há 21 anos. Nunca viram eu fazer mal para nem uma pessoa”, disse Japinha ao G1.

A banda se manifestou novamente antes de anunciar o afastamento do baterista:

“Fomos surpreendidos com postagens sobre o comportamento de um integrante de nossa banda. Somos um coletivo onde cada um responde por suas atitudes. Mas uma coisa é clara: não compactuamos com atitudes desrespeitosas contra quem quer que seja. Nosso maior interesse é que tudo isso seja esclarecido o quanto antes.”

Veja as conversas de Japinha com a fã abaixo:

Deixe uma resposta