Copa Do Mundo: Argélia busca empate e consegue classificação inédita na copa

islam-slimani_argelia_gol2_reu_69
(Foto: Reuters)

Marcação de qualidade, movimentação interessante, velocidade ao atacar e boa presença na frente com Kokorin e Kerzhakov, a novidade para o duelo decisivo. A Rússia entrou em campo diante da Argélia ciente da força adversária, não se intimidou e, contando com as características citadas anteriormente, foi eficaz. O gol logo aos seis minutos veio para comprovar o bom futebol e veio com a falha defensiva da Argélia, pois Kokorin, sem marcação, cabeceou para abrir o placar.

A Argélia demorou para “se achar” em campo, ainda mais após o gol russo. A velocidade de Brahimi, a qualidade técnica de Feghouli e o poder de decisão de Slimani não foram decisivos. O trio tentou, mas esbarrou na boa marcação russa. Akinfeev não teve trabalho. Os comandados de Vahid Halilhodžić até pressionaram a Rússia, mas faltou tranquilidade no último passe e a vitória russa no primeiro tempo foi merecida graças ao bom futebol mostrado, principalmente, por Samedov, o organizador do jogo, Kerzhakov e Kokorin.

A Argélia voltou para a etapa final ciente de que teria 45 minutos para fazer história ao ser eliminada pela quarta vez em quatro Copas na primeira fase. Em sua última entrevista coletiva, o técnico Vahid Halilhodžić deixou claro: seus comandados teriam de estar preparados psicologicamente para alcançar tal objetivo. Mesmo em desvantagem e precisando de um gol, a Argélia soube buscar os espaços e, assim como havia sido com a Rússia na etapa inicial, conseguiu o seu merecido gol pelo futebol apresentado através da bola parada. Cobrança de falta de Brahimi e Slimani, após se livrar de Kombarov, deixou tudo igual aos 15.

Argélia retraída, buscando os contra-ataques e uma Rússia pressionando, tentando achar os espaços para chegar ao gol que a deixaria com a vaga novamente. Assim foram os 15 minutos finais do jogo em Curitiba. E foi a aguerrida seleção africana que celebrou. Contando coma a falta de pontaria russa, a Argélia conseguiu uma merecida classificação pelo bom futebol apresentado diante da Coreia do Sul e no segundo tempo contra a, agora, eliminada Rússia. Pode celebar, Argélia!

 

Deixe uma resposta