Conmebol aumenta premiações da Libertadores

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

O Comitê Executivo da Conmebol aprovou o aumento dos valores de premiação aos clubes participantes da Copa Libertadores da América. Assim, o campeão da edição de 2016 receberá pelo menos US$ 7,25 milhões (cerca de R$ 29 mi na cotação atual).

O ex-presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, ameaçou tirar o time paulista da competição caso as compensações financeiras aos participantes não fossem melhoradas. Carlos Augusto de Barros e Silva, presidente do São Paulo, reforçou o protesto do dirigente rival e também teve suas pretensões contempladas.

Apesar do desafio de disputar a “pré-Libertadores”, o São Paulo vai embolsar pelo menos US$ 400 mil (R$ 1,6 milhão) pela participação em tal etapa do torneio, com direito a um bônus de US$ 100 mil (R$ 400 mil) como “consolação” em caso de eliminação.

Confira os novos valores de premiações por fase:

Primeira fase: US$ 400 mil (R$ 1,6 milhão) + bônus de US$ 100 mil (R$ 400 mil) aos eliminados
Fase de grupos: US$ 1,35 milhão (R$ 5,4 milhões)
Oitavas de final: US$ 750 mil (R$ 3 milhões)
Quartas de final: US$ 950 mil (R$ 3,8 milhões)
Semifinal: US$ 1,25 milhão (R$ 4,9 milhões)
Vice-campeão: US$ 1,5 milhão (R$ 6 milhões)
Campeão: US$ 3 milhões (R$ 11,9 milhões)