• Home »
  • Colunas »
  • Conheça os critérios de julgamento de uma escola de samba na avenida

Conheça os critérios de julgamento de uma escola de samba na avenida

samba e fantasia 3

“A regra é clara”, diria Arnaldo César Coelho se comentasse um desfile de escola de samba? Duvido! Nas Próximas duas edições da nossa coluna, vamos procurar destrinchar as dúvidas sobre o regulamento do desfile de São Paulo, sempre tendo por base o manual oficial do julgador do carnaval 2015.

A Liga divide os quesitos em módulos: Música (harmonia, samba de enredo e bateria), visual (enredo, fantasia e alegoria) e dança (mestre-sala e porta bandeira, comissão de frente e evolução). Cada Jurado poderá dar nota de 8,0 a 10 para cada agremiação, sempre acompanhada de uma justificativa.

Hoje, destacaremos os critérios de avaliação do módulo música:

Harmonia: É avaliação do canto dos integrantes da escola, os componentes devem cantar no ritmo da marcação da bateria, os jurados observam ala por ala, se o samba é entoado com clareza e nitidez, não se admitindo que haja espaços com alas que não estejam cantando. Outra questão que é observada, pelos jurados, é se os integrantes da escola cantam a música inteira ou só os refrões, por exemplo, porém isso não basta, pois a empolgação também é levada em consideração, afinal estamos falando da maior festa popular do planeta. Por fim, também é fator que tira ponto neste quesito, o atravessamento do samba, isso ocorre quando alas das escolas estão cantando trechos diferentes da canção.

É interessante destacar que existem as Alas Especiais que não são julgadas neste quesito: Comissão de frente, casais de mestre- sala e porta-bandeira, bateria, Integrantes da equipe técnica da agremiação, como diretores e apoios de harmonia, disciplina e evolução, coordenadores e chefes de ala, velha guarda, Ala das crianças, Ala das baianas, Ala de pessoas com necessidades especiais e acompanhantes e componentes de alegorias.

Samba de enredo: O jurado avalia se a letra do samba reproduz o que de fato é proposto pelo tema da agremiação, são punidos erros de português, palavras desconexas, no entanto admiti-se a “licença poética”, ou seja, os erros naturais do vocabulário popular são aceitos. O Jurado também avalia a melodia e o quão ela ajuda, por exemplo, na compreensão da letra e na empolgação dos foliões.

nene bateria

Foto: R7

Bateria: O coração de uma escola de samba deve manter o ritmo do inicio ao fim do desfile, o aceleramento ou uma redução no ritmo são punidos. A bateria não pode parar, a não ser que no arranjo esteja programada a tão conhecida “paradinha”. Também é avaliado o entrosamento entre os instrumentos. São punidos os atravessamentos de samba, além dos erros nas retomadas pós “paradinhas”, momento em que a bateria deve voltar com o mesmo andamento que vinha mantendo, outro fator verificado é se são ouvidos os sons de todos os instrumentos .

Portanto esses são os critérios que os jurados usam para avaliar o módulo música.
Na próxima semana, tentaremos elucidar dúvidas sobre os outros quesitos. 

“Samba & Fantasia”, todo sábado, às 20h, no BDI.

Mande seu e-mail para o colunista : marciomendes@bastidoresdainformacao.com.br