Conheça o enredo e o samba da Peruche

samba e fantasia 3

 

A Escola de Samba Unidos do Peruche vai levar ao Anhembi em 2016 o enredo: “Ponha um pouco de amor numa cadência e vai ver que ninguém no mundo vence a beleza que tem o samba. 100 anos de samba, minha vida, minha raiz”.

A agremiação tem o objetivo de fazer uma declaração da amor ao samba, que completa em 2016 o centenário do registro oficial da primeira obra.

O primeiro setor do enredo destaca a raiz negra. Os negros, que por diversos motivos, foram chegando ao Rio e à Bahia, trouxeram com eles seus costumes e sua cultura.

Já o segundo setor relembra os sambas antigos que fizeram sucesso, como por exemplo: As rosas não falam, Folhas Secas, Retalhos de Cetim, Foi o Rio que passou em minha vida , Trem das onze, entre outros.

O terceiro setor cita os sambas que colocaram o dedo na ferida de muitas mazelas, como Roda Viva, além das canções de amor, como Deixa eu te amar.

No quarto setor, as várias faces do samba, exaltando a qualidade desse ritmo e o envolvimento dele com os demais ritmos musicais.

Já o quinto setor, que será com certeza o mais esperado, falará sobre os sambas enredos históricos.

Enfim, a Unidos do Peruche, que volta ao grupo especial em 2016, escolheu um tema que agrada a todos no mundo do Carnaval: O samba

No último domingo, 16 de agosto, a escola já escolheu seu samba oficial para o carnaval 2016.

logoperuche

Ouça:

COMPOSITORES:
Jairo Roizen/ Ronny Potolski/ Madureira/ Marcelo Madureira/ Alex Barbosa/ Bagé/ Toni/ Tubino/ Igor Vianna/ Thiago Sousa/ Gilson/ kaballa/ Meiners e Victor Alves.

Intérpretes: Igor Sorriso e Igor Vianna

ECOA UM CANTO NEGRO
CELEBRANDO A VIDA E A MAGIA ANCESTRAL
DAS BANDAS DE ANGOLA E DO CONGO
BATENDO NA PALMA DA MÃO
BAIANAS ABRAÇARAM A TRADIÇÃO
NA PRAÇA XI, O BERÇO IMORTAL
HERANÇA NOS TERREIROS DE IAIÁ
SÃO BATUQUEIROS QUE VENCERAM PRECONCEITOS
A NOBREZA DA CULTURA POPULAR

CAVAQUINHO A TOCAR, SENTIMENTO NO AR
SOU CARINHOSO E DELICADO EM CADA NOTA
O SOM QUE AFLORA É A CARA DO POVO
“AQUARELA” QUE PINTOU O MUNDO NOVO

E ENTÃO, “MEU BRASIL, BRASILEIRO”
É DE BAMBAS, CELEIRO
NA RUAS, VIELAS, A VOZ DA FAVELA
ACORDES QUE TROUXERAM LIBERDADE
NÃO MARCAM BOBEIRA, A BOEMIA E A MALANDRAGEM
À LUZ DA LUA, AS ESTRELAS VÃO BRILHAR
E NOS QUINTAIS, INSPIRAÇÃO PRA UM NOVO DIA
SE TEM O BANJO E O REPIQUE, VAMOS CANTAR NO CACIQUE
RAIZ DO SAMBA PÉ NO CHÃO
EU SOU PERUCHE, “NÃO LEVE A MAL”
“A GRANDE CAMPEÃ DE CARNAVAL”

FIRMA O PANDEIRO E O TAN TAN
TEM SAMBA ATÉ DE MANHÃ
E A NAÇÃO PERUCHEANA FAZ A FESTA
O MEU BATUQUE ECOOU, UM CANTO LIVRE DE AMOR
A FILIAL CHEGOU

“Samba & Fantasia”, toda sexta-feira, às 20h, no BDI.

Mande seu e-mail para o colunista : marciomendes@bastidoresdainformacao.com.br

Deixe uma resposta