Comunistas abandonaram pobres na miséria

Foto: Veja

Os petistas e comunistas ficaram 13 anos no poder.
Sobreviveram e fizeram guerrilha contra a classe média dizendo que estavam beneficiando os pobre e negros.
Ao contrário do que diziam, com sua política socialista e de direitos humanos, acabaram com segurança pública, ajudados pelos tucanos e derrubaram o poder de compra da classe média que é a maior distribuidora de renda de um povo capitalista.
Mantiveram na miséria uma população de Bolsa Família que se recusava a entrar no mercado de trabalho, insuflaram a luta de classes e o resultado foi uma merda.

Petistas e comunistas tem a coragem de dizer que a classe média é contra negros e pobres.
Mas são os petistas que acabaram com segurança pública e mesmo assim grupos de negros ativistas dizem que as mortes de negros é preconceito dos brancos da classe média.
Se uma maioria negra continua na favela a culpa é dos petistas e comunistas que em 13 anos de ditadura socialista não tirou os negros das favelas.
Se os negros estão sendo mortos, não são só os negros mas toa a população.
Se um negro ou gay é assassinado, os ativistas gritam que o assassinato foi preconceito contra negros e gays.
Se um branco de classe média é assassinado fica na estatística.

Só a volta do Regime Militar pode dar disciplina e gerar uma segurança pública que acabe com o domínio dos bandidos que existe porque o país foi entregue aos bandidos pelos petistas e comunistas.