Com sonho olímpico, termina os jogos Pan-Americanos 2015

2015-07-27t005753z_855039990_nocid_rtrmadp_3_pan-am-games-closing-ceremony_1_1
(Foto: Geoff Burke/Reuters)

Muito mais do que coreografias, fantasias, apresentações musicais e pirotecnias. A cerimônia de encerramento dos Jogos Pan-Americanos de Toronto , realizada neste domingo, no Rogers Centre, serviu para a cidade canadense deixar um importante recado ao Comitê Olímpico Internacional: a competição foi o pontapé inicial para o sonho de receber uma Olimpíada daqui alguns anos. Depois do discurso caloroso e animador, a canadense Serena Ryder, e os americanos Pitbull e Kanye West foram os responsáveis por levantarem o público no palco do estádio.

“Toronto, você ofereceu aos atletas dos Jogos uma vila pan-americana, instalações esportivas e organização de nível olímpico, além de uma hospitalidade única dos canadenses. Todos nós que estamos aqui podemos concordar que Toronto e Ontario devem estar muito orgulhosos pela maneira que realizaram os Jogos, e vocês têm todo o direito de imaginar e sonhar em um dia sediar os Jogos Olímpicos”, disse Ivar Sisniega, vice-presidente do Comitê Organizador do Pan

mascotepanalejandroernestoefe
(Foto:Reprodução)

A festa de encerramento também celebrou a diversidade cultural, mas não apenas das Américas, e sim do mundo todo. Com apresentações performáticas, eles começaram com índios, representando as primeiras nações, passaram pela capoeira brasileira, tango argentino, danças típicas da Filipinas, China e Irlanda, chegaram na Escócia, com gaitas de fole, carnaval afro caribenho, baile indiano, até chegar na cultura canadense, uma mistura de música eletrônica com movimentos de hip-hop. Durante o show, impressionou a pirotecnia utilizada, com fogos de artifício saindo da CN Tower artificial dentro do Rogers Centre.

A cerimônia de encerramento passou o bastão para Lima, no Peru, onde serão realizados os próximos Jogos Pan-Americanos. Escolhida em 2013, a capital peruana recebeu 31 votos, enquanto a cidade de La Punta, na Argentina, Santiago, no Chile, receberam nove, e Ciudad Bolívar, na Venezuela, oito. Será a primeira vez que uma cidade do país irá receber um evento deste porte.

 

Deixe uma resposta