Com método polêmico, Facebook Messenger excede 500 milhões de usuários

Mark Zuckerberg, CEO do Facebook (Foto: Reprodução/Internet)
Mark Zuckerberg, CEO do Facebook (Foto: Reprodução/Internet)

O método para conseguir usuários não é muito convencional ou “limpo”, mas o fato é que o Facebook Messenger atingiu a marca de 500 milhões de downloads. Quem quiser ler ou mandar mensagens pela rede social no celular é obrigado a ter o aplicativo instalado, condição imposta em agosto deste ano.

Em abril de 2014, segundo dados divulgados pela empresa, o aplicativo tinha cerca de 200 milhões de usuários. O diretor de gerenciamento de produtos do Facebook, Peter Martinazzi, exaltou o feito.“Essa é uma marca emocionante, mas com meio bilhão de pessoas dependendo do Messenger para se comunicar e conectar, também é um lembrete de que ainda há muito para ser feito”, comemorou.

Chefe Executivo do Facebook, Mark Zuckerberg explicou a mudança na época. “Pedir às pessoas para instalar outro app é algo um pouco chato, mas se quiséssemos servir bem essa função, tínhamos de criar uma experiência dedicada e focada”, disse.

Deixe uma resposta