CBFS passa a gestão da seleção brasileira de futsal para a CBF

(Foto:Reprodução)

A seleção brasileira de futsal será gerida pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) a partir de 2017. O anúncio oficial das mudanças na modalidade será feito na próxima quinta-feira, em coletiva de imprensa marcada para um hotel na Zona Oeste do Rio de Janeiro.

No evento, também será apresentado o novo treinador da seleção. Campeão mundial em 2008, PC Oliveira está de volta ao comando do time verde-amarelo, após rápida passagem pelo cargo em 2015, quando foi apresentado, mas não chegou a assumir a equipe devido a um boicote de jogadores.

O motivo da mudança na gestão da seleção é a grave crise enfrentada pela Confederação Brasileira de Futsal (CBFS), fundada em 1979, logo após o fim da Confederação Brasileira de Desportos (CBD).

Até o primeiro semestre do ano passado, a CBFS tinha uma dívida estimada em R$ 6 milhões, o que fez com que a última comissão técnica da seleção brasileira abdicasse de salários em 2016 – os profissionais receberam apenas diárias de viagens e premiações por vitórias. O Brasil disputou o Mundial de “camisa limpa”.

Apesar de assumir a gestão da seleção de futsal, a CBF contratou uma empresa de marketing esportivo para fazer a gerência da modalidade.